Buscar
  • Claudio Crescencio

UM “CHEFE-RAIZ” PARA O MOTOCROSS DA HONDA


Calistrat Neto, ou simplesmente Cale, levou para a liderança do time de motocross da fábrica japonesa a sua experiência em uma equipe menor e o uso de MILITEC 1

Hoje nós vamos apresentar a história de Calistrat Coluciuc Neto ou, simplesmente, Cale. Chefe da equipe de motocross da Honda Racing Brasil, da Honda, maior fábrica de motocicletas do mundo, sua paixão por motos vem dos tempos de garoto. Filho de um piloto de avião, ganhou do pai sua primeira moto, mas seu jeito “sincerão” não lhe permite escamotear a verdade. “Graças a Deus eu era muito ruim em cima moto”, diverte-se, ao lembrar de sua tentativa frustrada de se tornar piloto de motocross. “Minha carreira de piloto é um fracasso”, diz antes de uma boa risada. “Mas eu não tinha pretensão de ser profissional”, completa.

Essa “frustração” o levou a um período de três anos nos Estados Unidos, entre 2003 e 2006. Lá, mergulhou fundo na indústria do motocross, aprendeu tudo o que precisava saber para liderar uma equipe e descobriu que sua vocação era a gestão de um time. “Notei que tinha uma parte que me interessava mais, que era montar equipe. Hoje, me sinto muito melhor fazendo uma boa moto para um piloto e vendo o resultado do que estando em cima de uma moto”, conta.

De volta ao Brasil, em 2011, montou sua primeira equipe: a Escuderia X Motocross, uma equipe pequena, que comprava as próprias motos. No ano seguinte, o time de Cale foi para as pistas. Em 2014, tornou-se satélite da Honda. Com ela, chegou a vencer a equipe oficial da fabricante japonesa, e deixou todo mundo de olho na ousadia. Esse tipo de conquista foi possível com coragem, pilotos talentosos e o uso de MILITEC 1.

No automobilismo, motovelocidade ou motocross, uma equipe-satélite é uma equipe ligada a outra maior, mas sem os recursos e o suporte de um time próprio de uma montadora, como a Honda.

Corrida de moto no cartão de crédito

“Eu trabalhava com orçamento que era pequeno e não era constante. Tinha mês que tinha verba, tinha mês que não tinha”, relembra Cale. “Em algumas corridas, eu torcia para que a moto não quebrasse, porque as peças originais das motos são muito caras”, lembra. Então, o maior desafio, naquela época, era sincronizar a parte financeira com a performance. Ir para as corridas com dinheiro contado, ou passando no cartão de crédito sem saber como pagaria depois, fez com que Cale aprendesse a gerir melhor uma equipe. E, nessa gestão, entrou o MILITEC 1.

“O MILITEC 1 fez muita diferença nessa época. Eu usava o MILITEC 1 no motor. O condicionador de metais segurou minhas motos por muito tempo”, garante.

A “audácia” de vencer a equipe oficial com um satélite o levou à liderança do time de motocross da Honda em 2018. E, desde que assumiu, a equipe ganhou títulos todos os anos. As lições que aprendeu na Escuderia X, ele levou para a Honda, com toda a estrutura que a multinacional oferece.

“Nenhuma moto dorme suja”

A equipe atual é formada por quatro pilotos: Hector Assunção, Jetro Salazar, Leonardo Souza e Henrique Henicka, a promessa da equipe, que tem apenas 16 anos de idade, mas muito talento e uma dose de ousadia que só a juventude é capaz de oferecer.

“Cada moto tem um mecânico. Cada mecânico cuida de um piloto e cada piloto tem três motos”, detalha Cale. O mesmo mecânico que tira a caixa das motos no começo do ano é o que devolve no fim do ano”, acrescenta. O esmero com que cuidam dos equipamentos é também parte do sucesso da equipe. “Nenhuma moto dorme suja”, diz Cale. Uma vez desmontada, todas as peças da moto que necessitam de lubrificação são lubrificadas – cabos, rolamentos, links. O uso das peças é determinado por horas, e não pelo estado delas. “Deu a hora, tem que trocar”, explica Cale, mesmo que ela ainda esteja boa. Essa é a maneira encontrada pra manter as motos no ápice das condições de desempenho.

Chefe-raiz

Muitos dos segredos que fazem da equipe Honda de Motocross vencedora em sua categoria vêm dos tempos de Escuderia X. Um deles é estar por dentro de tudo o que acontece em sua equipe. Isso significa, por exemplo, cuidar das próprias compras de supermercado que são necessárias para a equipe enquanto estão em viagem, em etapas das competiçõespelo país. “Eu mesmo gosto de fazer isso, não delego essa função. Outras, eu preciso delegar, mas acho que isso foi uma herança do meu time anterior”, recorda.

Outra herança foi a continuação no uso de MILITEC 1. E, segundo Cale, o condicionador de metais entra nos detalhes. “Os cabos lubrificados com MILITEC 1 duram mais e ficam mais leves. Os rolamentos, a gente aquece quando tira as motos da caixa e lubrifica com MILITEC 1”, detalha. “O MILITEC 1 é de alta performance. É um produto para quem quer excelência, e é um dos fatores que ajudam na nossa performance”, garante.

Por que usar MILITEC 1?

O primeiro e melhor condicionador de metais que protege o seu motor de verdade: traz economia de combustível, aumenta a potência, reduz o desgaste, a vibração e o ruído do motor. E ainda auxilia na preservação do meio ambiente, pois reduz em até 70% os gases poluentes.

O MILITEC 1 simplesmente usa o lubrificante como um meio para chegar às superfícies metálicas em atrito e aos pontos críticos de calor dentro do equipamento. Chegando a esses locais, MILITEC 1 sai completamente do lubrificante, e suas moléculas fixam-se na superfície metálica (adsorção*). Isso ocorre entre 38 °C e 66 °C, dependendo das condições de atrito e carga.

O efeito dessa reação enrijece a superfície metálica (não a endurece), tornando-a aproximadamente 17 vezes mais resistente quando a reação se completa. Além do aumento da resistência metálica, MILITEC 1 reduz drasticamente o atrito entre os metais.

*Adsorção é a fixação da molécula de uma substância na superfície de outra.

Como usar o MILITEC 1 em motos

Sua moto pode receber o MILITEC 1 seja qual for o modelo ou as cilindradas. Para isso, a MILITEC Brasil criou o frasco exclusivo de 40 ml, a dose ideal para motos que utilizam até 1 litro de óleo. Se a troca de óleo for feita a cada 1 mil km, reaplique o MILITEC 1 a cada quatro trocas. Se o uso da moto também for severo, reduza o tempo de aplicação pela metade.

Onde achar MILITEC 1

Então, se você procura melhorar o desempenho do seu carro ou moto e mais resistência para o motor, MILITEC 1 é o melhor produto disponível no mercado. Quer saber onde comprar MILITEC 1? Clique aqui e encontre um distribuidor na sua região.

0 visualização0 comentário